BLOG DA PASTORA ZENILDA


Pra. Zenilda Reggiani Cintra
As opiniões deste blog refletem a minha visão e não, necessariamente, a de outras pastoras da CBB.
Por favor, ao reproduzir textos deste blog indique o link: http://pastorazenilda.blogspot.com/. Obrigada.

sábado, 24 de outubro de 2009

AS MULHERES E A FORÇA MISSIONÁRIA MUNDIAL


Catherine Booth, fundadora do Exército da Salvação
* Pr. David Botelho

Como um líder de missões transculturais tenho a dizer que dois terços da força missionária mundial é composta de mulheres, pois a maioria dos homens diante dos grandes desafios pioneiros estão dizendo: Eis me aqui, envia minha irmã. Gostaria de enfatizar que a obra pioneira transcultural mais difícil ficou para o fim, que são as milhares de línguas ágrafas, isto é que nada possuem nada escrito e os povos menos alcançados da terra que estão nos lugares mais inóspitos do mundo.

Temos vários exemplos de mulheres que estão indo a lugares onde poucos homens querem ir e estão indo, como no mundo muçulmano, hindu, budista e animista. Essas mulheres têm feito um trabalho pioneiro, apostólico e plantado muitas igrejas, batizado a muitos e discipulado outros tantos e elas precisam de encorajamento e muito apoio de todos nós. A história mostra muitas mulheres valentes que serviram de uma maneira heróica e despretensiosa a não ser glorificar o nome do Mestre. Infelizmente nós, hoje, ainda não conseguimos ver este trabalho maravilhoso e temos deixado que 50% de nossa força não participem da batalha de resgatar os que estão indo para o matadouro. Eu vejo que quem tem interesse que esses 50% do exército não entre nesta guerra ferrenha é o inimigo de nossas almas.

Ainda bem que o apóstolo Paulo aproveitou muitas mulheres em seu vasto e frutífero ministério. Ele foi acolhido por uma mulher empresária que investiu em seu ministério quando chegou na Europa. Sei que alguns vão usar um texto fora do contexto como pretexto para dizer que as mulheres devem ficar caladas na igreja. Interessante ver que estas mulheres mencionadas eram analfabetas e atrapalhavam os estudos bíblicos e Paulo orientou que elas deveriam ficar caladas, mas que não deveriam ficar ignorantes do assunto, mas que procurassem aprender em casa. Quando Paulo se defronta com algumas mulheres influentes e preparadas que eram as sacerdotisa do templo de Afrodite, em Corinto, que haviam se convertido e que participavam da igreja e que eram discriminadas naquele tempo então ele as orienta na área de procedimento cristão. Elas tiveram a atenção dele no discipulado, em seus 18 meses que ali esteve, pois sabia da importância dessas mulheres neste novo ministério de apresentar o Senhor Jesus como o único e verdadeiro Salvador e Senhor de todos. Paulo menciona várias companheiras de ministério em Romanos 16 e uma delas, certamente, pastora local.

Espero que estes exemplos do passado, mencionados abaixo, e muitos outros do presente possam abrir a mente desses que não conseguem ver o óbvio ululante, como os discípulos não conseguiam ver a grande comissão aos gentios e que tiveram os entendimentos abertos pelo Senhor, registro este em Luc. 24.45-48. Não deixemos e muito menos desprezemos essas que querem, estão e irão desenvolver o ministério eclesiástico de levar a mensagem salvífica, cuidar ds ovelhas e ensinar a Palavra do Mestre.     


BETSY STOCKTON: “Esta foi a primeira missionária negra solteira e ex-escrava a servir ao Senhor fora do país. Ela trabalhou em Missões no Havaí em 1823.”    
CYNTHIA FARAR: “Ela serviu ao Senhor em Bombaim, na Índia, na Missão Marathi em 1820.”
CATHERINE BOOTH: Ela é a Mãe do Exército De Salvação e certa vez afirmou: “Ó como seria bom se os ministros da religião pesquisassem os registros originais da Palavra de Deus a fim de descobrir se... Deus realmente pretendeu que a Mulher sepultasse seus dons e talentos...”
FLORENCE NIGHTINGALE: “Eu teria dado a ela (à Igreja), minha cabeça, minhas mãos, meu coração. Mas não os aceitou” Ela serviu ao Senhor na Criméia, como Missionária-enfermeira.
CHARLOTTE DIGGS MOON: “Médica missionária entre os Árabes na Palestina. Também ensinou como professora antes de servir ao Senhor na China.”
AMY CARMICHAEL: “Serviu ao Senhor na Índia. Sua modéstia e personalidade amável e sincera a colocaram também naquela rara categoria de pessoas boas de mais para existir.”
JOHANA VEENSTRA: “O meio de transporte comum de Johana, de vila em vila, era uma bicicleta. Johana serviu ao Senhor na Nigéria, na África em 1919.”
HELEN ROSEVEARE: “Ela serviu ao Senhor no Congo no período de 1953 (na guerra civil) e em 1964 foi violentada.”
HANNA WOLFF: “Ela também serviu ao Senhor na Índia. Publicou obras literárias incluindo Jesus Universal, que trata do cristianismo hindu-asiático.”
AIMEE ELIZABETH KENNEDY (SRA. SEMPLE MACPHERSON): “Depois de servir ao Senhor na China, fundou a Igreja do Evangelho Quadrangular".
* Pr. David Botelho, líder da Missão Horizontes, www.mhorizontes.org.br

3 comentários:

  1. Parabéns pelo trabalho no blog. Já estou seguindo!

    Aproveito para lhe convidar a conhecer meu blog, e se também desejar segui-lo, será uma honra.

    Seus comentários também serão muito bem-vindos.

    www.hermesfernandes.blogspot.com

    Te espero lá!

    ResponderExcluir
  2. A PAz PAstora
    Concordo que Deus tem contado com as mulheres, seu blog é sensacional se quiser acesse também o meu comecei agora mas ja estou gostando muito.
    beijos amada,que Deus te proteja sempre

    ResponderExcluir
  3. Graça e paz,Pastora!
    “Andando” por aí cheguei até o seu Blog e quero te parabenizar pela bênção que pude ver aqui.
    Já estou te seguindo e aos poucos venho conhecer mais os seus textos.
    Será uma honra te receber no pastoragente.blogspot.com, e se quiser segui-lo vai ser uma alegria pra mim.
    No blog conto da forma mais realista e divertida possível as realidades, dúvidas e experiências de uma simples pastora como eu.
    Fique na paz. Um abraço.

    ResponderExcluir